No momento em que o Brasil soma mais de 130 mil óbitos e mais de 4 milhões de casos confirmados de covid-19, o País vive ainda uma crise política sem precedentes, catalisada por uma granada que detonará todo o Estado, ricocheteando seus estilhaços em toda a classe trabalhadora: a Reforma Administrativa (PEC 32/2020).

Foi com o propósito de esclarecer a sociedade, os servidores públicos e os parlamentares sobre os riscos da proposta que a Febrafite elaborou a cartilha "REFORMA ADMINISTRATIVA E AS PEGADINHAS DO ESTADO MÍNIMO".

Confira em aqui ou em febrafite.org.br



Compartilhe:

  • Compartilhar